MOÇAMBICANOS REVOLTADOS COM OS ATAQUES PRIVAM A PASSAGEM DE CAMIÕES SUL AFRICANOS NA N4

Destaque

MOÇAMBICANOS REVOLTADOS COM OS ATAQUES PRIVAM A PASSAGEM DE CAMIÕES SUL AFRICANOS NA N4



Desde a última semana, casos de viol€nci@ contra estrangeiros agravaram-se em Joanesburgo, depois de terem circulado relatos sobre o assunto há quatro dias.
A polícia Sul-Africana começou a reagir aos ataques Xenófobos e muitos mentores desta situação encontraram-se detidos.
Do lado de cá, Os moçambicanos revoltados não tardaram e lançar protestos nas redes sociais, abominando esta situação que vem acontecendo na África do Sul.
E na N4, a estrada mais usada como trajecto para a vizinha africa do sul emergiram protestantes que incêndiaram pneus, assim como paralizaram os camiões de matrícula sul africana, vulgarmente conhecidos como matricula GP.
A Policia da República de Moçambique, PRM não tardou em aproximar-se ao local dos protestos para evitar que surgissem ataques aos motoristas, assim como sul africanos nas próximidades, sendo que o povo moçambicano está aparentemente revoltado com a situação. Situação esta que está sendo criticada até pela SADC e o Governo Nigeriano está a ameaçar tomar medidas.

Clique aqui para ver e vídeo



Enviar um comentário

0 Comentários